Livro As Gémeas de Auschwitz
Entre Páginas

Livro “As Gémeas de Auschwitz”

Já devo ter lido uma boa dezena de livros sobre o Holocausto. É um tema que pelas piores razões sempre me causou um fascínio desmedido.

É vasta a quantidade de testemunhos que existem de sobreviventes dos campos de concentração sobre a forma de livro. Uma grande parte deles causa-nos repulsa e até voltas na barriga com a descrição detalhada dos horrores que por lá se viveram. Este livro, no entanto, é um pouco diferente de todos os outros que já li. E talvez seja porque se trata da visão de uma menina de 10 anos, que dentro dos campos dos horrores, sabe que foi uma “privilegiada” por um simples acaso da vida: tinha uma irmã gémea. Os gémeos nos campos de concentração serviam para as experiências mais horrendas que se podem imaginar (e é certo que por este ponto, ser gémeo de nada tinha de privilégio), mas tinham pequenos benefícios como não serem expostos a trabalhos forçados, terem comida que embora escassa era sempre distribuída às horas certas, poderem usar as suas próprias roupas  e terem a companhia garantida do seu gémeo enquanto os dois se mantivessem vivos. A partir do momento que um deles morresse, o outro deixava de servir e acabava por ser enviado para extermínio.

Apesar de todas as histórias de Auschwitz impressionarem e causarem repulsa, e esta não é exceção, é uma história um bocadinho mais inocente que na prática retrata a força desmedida de uma menina (autora do livro) que faz os possíveis e impossíveis para que ela e a sua irmã sobrevivam.

“Posso dizer, e não teria magoado os seus sentimentos que, se não fosse por mim, a minha irmã teria morrida nessa altura. E que, por sua vez, cuidar de Miriam me ajudara também a tornar-me mais robusta e assertiva. Porque éramos gémeas, agarrávamo-nos uma à outra. Porque éramos irmãs, dependíamos uma da outra. Por sermos família, não nos deixávamos ir. Em Auschwitz, morrer era muito fácil. Sobreviver era um trabalho a tempo inteiro”

Apesar de não ter sido o livro do Holocausto que mais me marcou, é sem dúvida um testemunho que vale a pena ser lido. E mostra que por muito cruel que o mundo seja, nunca nada suplantará a força de uma criança.

Adquiram aqui o vosso livro sem nenhum custo adicional e ajudem-me a manter o blog!

Beijinhos e boas leituras!

Livro As Gémeas de Auschwitz

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: